11

maio 2015

Dica de hotel em Miami – Provident Doral

Postado por em Hospedagem, Miami, Preparando a Viagem | 5 comentários

frente_personalflorida

.

Já que tanta gente ficou curiosa do hotel que me hospedei em Miami, resolvi fazer um post mais detalhado. Antes de mais nada, gostaria de deixar bem claro que tudo o que posto e as opiniões aqui expostas, são minhas, e que não ganho absolutamente nada com esse tipo de informação. Desde o início, o Personal Florida foi criado para passar as melhores dicas possíveis, baseadas em experiências pessoais, que achamos que pudessem ser úteis para quem viaja para os EUA, especialmente Miami e Orlando.

.

Bom, quem nos acompanha nas redes sociais sabe que vira e mexe estamos em Miami, já ficamos em todos os tipos de hotéis, dos mais variados preços. Só que a maioria das pessoas busca um hotel bom, com um preço legal, até por conta da alta do dólar. Já indiquei hotéis por aqui e no Instagram e Facebook, mas esse é de longe o hotel que mais gostei.

.

Ele fica em Doral, abaixo mostro melhor no mapa, já que pra quem não conhece ou conhece pouco Miami, pode não saber onde fica.

.

mapa_provident_personalflorida_miami

.

Fechar um hotel em Miami não é tarefa fácil. A maioria quer ficar em Miami Beach, a beira da praia. Ok!! É um lugar que indico? Não, a não ser que você não se importe de pagar caro em hotel, pagar estacionamento, pagar wifi e pagar café da manhã, sim, pois os bons hotéis em Miami Beach não tem nada incluso… ahhh, ainda tem a taxa de resort. Nesses extras, vai facinho uns 80 dólares por dia, e você multiplica isso pelo tempo que estará hospedado por lá. Os hotéis baratos dessa região são antigos, mal conservados, e também não oferecem nada, além do quarto. Não terão estacionamento e raramente wifi de graça.

.

Por isso, prefiro indicar hotéis em Downtown Miami ou mais próximos ao aeroporto, e na região de Bal Harbour/Aventura (tem bons hotéis à beira mar). Próximo ao aeroporto internacional é bom ter cuidado com local, pois aquela área é meio complicadinha, pois a cada dia eles começam uma reforma nova, e o GPS fica louco, deixando vários turistas perdidos e levando horas para dar uma volta e chegar no local desejado.

.

Doral fica próximo ao aero, mas em um lugar mais tranquilo, sem muito trânsito, com supermercados e restaurantes bem próximos. Como já fui a Miami muitas vezes, eu nem vou mais naquela região de South Beach, prefiro Downtown e as regiões mais ao norte, como Bal Harbour, Sunny Isle e Aventura.

.

Porque amei esse hotel?

.

1- Atendimento: Eu sou o tipo de pessoas que se importa com atendimento. Me atendeu mal, perdeu uma cliente. Tem coisa pior do que ser mal tratado? Como se o funcionário estivesse te fazendo um favor, e você não estivesse pagando pelo serviço. Odeio isso!!! Então o que me fascinou no Provident foi a simpatia e educação das pessoas. Fiquei impressionada. Do rapaz que abriu a porta do carro e a porta do lobby, da menina da recepção que nos tratou super bem e brincou até com a nossa filha, dos funcionários do restaurante, quando fomos olhar o menu. Nota 10.

 .

decima

Imagem: Provident Resorts

 .

2- Localização – Como falei, amei me hospedar em Doral. Sem trânsito, com restaurantes próximo, supermercado (tinha um Publix quase ao lado e um Walmart gigantesco próximo tb). De lá até o Dolphin eram apenas 10 minutos. 35 minutos do Sawgrass, 25 minutos do Zoo Miami. Como gostamos de alguns restaurantes em Downtown, fomos até lá, e como era final de semana, não pegamos muito trânsito, mas durante a semana o negócio pega um pouco em Miami, pois para quem está acostumado com Orlando, o trânsito lá é bem chato, pra não dizer coisa pior rs. Mas no geral, para o meu tipo de viagem, região excelente. Mas para quem quer conhecer Miami Beach, você vai perder uns bons 30.. 40 minutos de carro.

.

hotel_providentpersonalflorida

Imagens: Personal Florida

quartos_providentpersonalflorida

Imagens: Personal Florida

.

3- Quarto: Gente, o que são os quartos desse hotel? Sou do tipo chata rs, olho foto dos quartos 1 milhão de vezes antes de fechar hotel. Não suporto aquelas decorações de vó dos anos 70… não dá rs. Gosto de coisa moderna, decoração e móveis novinhos, e fiquei chocada quando entrei no quarto, pois ele é lindo, novinho e moderno, do jeito que gosto. Primeiro, todos os quartos desse hotel são suites, ou seja, terão cozinha (geladeira side by side, fogão cooktop, máquina de lavar louça, pia e microondas). Na sala, sofá cama (que a minha filha dormiu) e uma mesa que usamos para tomar café da manhã (que compramos no Publix rs). Já o banheiro, além de uma banheira com hidro, duas pias, chuveiro e vaso separados, ainda tinha uma tv, pra gente assistir enquanto relaxava. Achei o máximo rs.  Alugamos um quarto King Size, mas eles tem opção de duas camas Queen (com o sofá cama tb, sendo possível dormir até 6 pessoas) e um tipo de quarto maior, estilo apto com outros quartos separados (esse um pouquinho mais caro). Tem cofre, ferro e tábua de passar, secador… essas coisas básicas que tem na maioria dos hotéis.

.

priscina_personalflorida

.

4- Piscina:  24h aquecida. A nossa filha amou – Na área da piscina, tem uns  sofás/cabanas mara rs, que fiquei deitada no primeiro dia e até trabalhei um pouco. Tem um bar na piscina também, com preços bem legais.

.

5- Amenities: Lá tem spa e academia (não tivemos tempo de ir rs)

.

6- Restaurante: Apesar de não ter experimentado nada, fiquei feliz em saber que tem um rs. Ele tem boas avaliações e eles oferecem serviço de quarto, o que eu acho o máximo, pq às vezes vc chega cansado da rua e ter que sair para jantar é bem ruim. Eles servem café da manhã também, mas não está incluso na diária e é a la carte. No meu caso, como tinha um supermercado próximo e o quarto tem cozinha, nós optamos por tomar café no quarto, com lanchinhos e suco que compramos no Publix.

.

7 – Sem taxas extras: Não pagamos por wifi e nem por estacionamento. Tudo incluso na diária.

 .

8- Preço: Pagamos U$ 149.00 dólares na diária, no mês de maio (2015), mas como em todos os lugares, o valor da diária muda de acordo com a temporada. O que eu acredito, é que pela qualidade do hotel, esse preço não vai ficar por muito tempo, então quem estiver com viagem marcada, corre e reserva esse hotel.

.

Quem se hospedar nesse hotel, passa aqui depois para contar como foi a experiência. Espero ter ajudado!!

8

ago 2014

10 maneiras de entreter crianças durante vôo

Postado por em Miami, Orlando, Preparando a Viagem, Viajando com Crianças | Comentários desativados em 10 maneiras de entreter crianças durante vôo

10 brinquedos para entreter crianças em um avião

.

Pesquisa conduzida pela British Airways revela os artigos infantis mais eficazes na hora de prender a atenção das crianças durante um voo

.

 

São Paulo, 7 de agosto de 2014 – Pesquisa realizada pela British Airways revela que a maior preocupação dos pais ao voar com as crianças é não saber como mantê-los entretidos. Pensando em auxiliar as famílias, a companhia aérea realizou um experimento que consistiu em reunir 30 crianças em um voo de duas horas com uma seleção de brinquedos. Os passageiros-mirins, com idades entre dois e 10 anos, foram observados por 90 minutos pelo professor e apresentador de TV Robert Winston e por uma equipe de psicólogos educacionais.

 

Os resultados foram surpreendentes e revelaram que os brinquedos mais baratos mantêm as crianças ocupadas por mais tempo. Massinhas de modelar Play-Doh e pulseiras Loom Bands estão no topo da lista e foram eleitos por 80% das crianças, que ficaram ocupadas por mais de 40 minutos durante o experimento. O resultado animou os pais: 70% afirmaram que levariam estes brinquedos em um vôo no futuro.

 

O brinquedo mais popular entre os pequenos de 2-5 anos de idade foi o Play-Doh. Já o favorito entre os de cinco a 10 anos de idade foi o Loom Bands. Eternos clássicos, como Lego e cartões Top Trump, também marcaram muito esta faixa etária, mantendo-os entretidos durante uma média de 37 e 33 minutos, respectivamente.

 

“Embora a vontade dos pais seja que seu filho adormeça, brinquedos como Lego, livros de adesivos e jogos de viagem também são uma ótima maneira de mantê-los envolvidos. Apresentar brinquedos diferentes em intervalos regulares é uma alternativa para mantê-los entretidos por mais de 90 minutos”, afirma o professor Robert Winston.

 

Em uma pesquisa feita com 2.000 pessoas, 25% dos entrevistados disseram que se preocupam com a possibilidade de seus filhos perturbarem os outros passageiros, enquanto mais da metade estão preocupados com a interrupção da rotina de sono de seu filho.

 

Dra. Vivian Hill, psicóloga educacional, afirma: “Os brinquedos que despertam a imaginação e incentivam a criatividade, ao invés de brinquedos estáticos, como bichos de pelúcia e bonecas, são comprovados para manter as crianças ocupadas por mais tempo”.

 

British Airways lista os dez melhores brinquedos para levar no avião:
1) Loom Bands
2) Play-Doh
3) Lego
4) Top Trumps
5) Uno
6) Cartões de atividade
7) Jogo de viagem Magnetic
8) Aquadoodle!
9) Fantoches
10) Livro de adesivos

 

Dra. Vivian Hill compartilha suas principais dicas para um voo sem estresse com as crianças:

• Tenha à mão bebidas durante a decolagem e a aterrizagem, para que os pequenos não sejam tão afetados pela pressão do ar, uma vez que as crianças sofrem mais com as consequências do que os adultos.
• Comprar novos brinquedos e jogos para o vôo. Brinquedos mais recentes os entretém por mais tempo.
• Apresentar brinquedos diferentes em intervalos regulares. Envolvê-los e dá-los como presentes funciona muito bem.
• Concentre-se em atividades que incentivam a criatividade em vez de objetos estáticos, como bonecas e bichos de pelúcia.
• Fantoches de dedo e cartões de atividade são os brinquedos que podem entreter por muito mais tempo.
• Pense em jogos que você não precisa transportar. Jogos verbais, como I Spy e Vinte Perguntas são boas maneiras de passar o tempo de vôo.
• Se for um vôo noturno, leve um pijama. Deixar as crianças prontas para dormir ajudará a evitar perturbar o seu padrão de sono.

.
Veja o vídeo:

.

.

Fonte: Approach

2

maio 2014

Harambe Nights no Animal Kingdom

Postado por em Eventos, Parques, Preparando a Viagem | Comentários desativados em Harambe Nights no Animal Kingdom

 

A maioria dos parques tem eventos noturnos, como as festas de Halloween, Natal, Mardi Gras e etc, e agora, é a vez do Animal Kingdom.

 

Vem aí, Harambe Nights. É um evento que acontecerá todos os sábados, do dia 7 de junho ao dia 9 de agosto às 7:00PM.

Os tickets tem que ser comprados separadamente. O ingresso regular para adulto é de U$ 119.00 e criança U$ 79.00, bem salgadinho não? E ainda te a opção do ingresso Premium onde adulto paga U$ 134.00 e criança U$ 94.00.

 

Mas o que é exatamente o Harambe Nights?

É um evento criado em comemoração ao 20º aniversário do espetáculo O Rei Leão, All-Inclusive, ou seja, não apenas o entretenimento, mas a comida também estará inclusa no valor pago no ingresso.

 

 

Haverá uma apresentação especial do mais novo show Lion The King – Concert in The Wild no Harambe Theater, com orquestra ao vivo e narração de alguma celebridade. Quando o show terminar, a festa continuará por todo o parque, com comidas e bebidas, personagens da Disney, autógrafos e etc.

 

O estacionamento é grátis para o evento. Tinha que ser é? rs. Caro desse jeito, mas pelo menos vale a pena pela experiência, espetáculo, comida (rss) e diversão.

 

E você, vai se programar para ir a mais esse evento da Disney?

 

Os ingressos podem ser comprados antecipadamente, e isso é até recomendado pq acontecerá somente aos sábados, ou seja, corre. Se você comprar online, basta trocar o seu voucher no Will Call ao chegar no parque, e assim que for entrar, mostrar o ingresso para ganhar uma pulseirinha de acesso (wristband).

15

abr 2014

Orlando Eye e novas atrações da I-Drive

Postado por em Orlando, Preparando a Viagem, Restaurantes | 2 comentários

 

Orlando não para, e a verdade é que cada dia que passa mais a mais turistas invadem a cidade, principalmente canadenses e brasileiros. Isso prova que a cidade ainda é um dos destinos mais escolhidos para quem busca diversão.

 

Novidades é o que não faltam e agora teremos um novo complexo. Já foi chamado de I-Walk, I-Drive Live e agora Orlando Eye.

Apesar de muitos falarem que a inauguração seria no final de dezembro de 2014, as informações na TV e jornais é que o prazo limite para todas as principais atrações ficarem prontas é de até a primavera de 2015 (entre março e junho), sendo que já há algumas lojas e restaurantes abertos e outros para serem inaugurados até o próximo verão.

 

 

 

Muitas atrações, incluindo  a mega roda gigante chamada The Eye, Madame Tussaud (museu de cera) e Sealife Aquarium, restaurantes como The Yard, LongHorn Steakhouse, Outback e etc, e lojas, irão com certeza bombar o espaço na International Drive.

 

 

 

Quem ainda não chegou a ver a construção, o novo complexo fica na International Drive, logo depois da Sand Lake, pertinho do Ripley’s e Fogo de Chão.

 

Sendo construida

 

Esse roda gigante, chamada de The Eye, será a estrutura mais alta da Florida Central, com uma altura de 130 metros. Dela, será possível ver atrações famosas de diversos parques, como montanha russa do SeaWorld e a esfera do Epcot.

 

A International Drive hoje abriga também novas atrações, como o já inaugurado Kings Bowl Orlando, um centro de boliche que fica bem perto do Ripleys, e o kart indoor chamado I-Drive Indoor Kart Racing, que fica próximo ao Sonic, sentido Premium Outlet da IDrive e que está sendo finalizado.

..

..

Agora vocês terão muitos mais atrações para incluir no roteiro.

27

mar 2014

Dirigindo na Florida e Alugando um carro

Postado por em Aluguel de carro, Miami, Orlando, Preparando a Viagem | 10 comentários

 

ATUALIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES E EXPERIÊNCIAS COMPARTILHADAS POR LEITORES E CLIENTES NO FINAL DO POST!!

 

Se tem uma coisa que, principalmente os marinheiros de primeira viagem, querem saber, é como dirigir aqui na Flórida, em especial Orlando e Miami.

 

Não é nenhum bicho de sete cabeças, acredite! Dirigir aqui é muito mais fácil que no Brasil. Primeiro, a maioria dos carros são automáticos e provavelmente você alugará um; segundo, as pessoas são educadas e respeitam as leis e sinais de trânsito, e terceiro, se você vem apenas como turista, basta trazer a sua carteira de habilitação brasileira para poder dirigir tranquilamente, pois ela valerá o mesmo tempo que o seu visto de turista..

 

Sei que muitos sites passam diversas informações.. Sei também que alguns estados americanos possuem leis diferentes da Flórida, por esse motivo, vou falar apenas daqui ok? Pois é o lugar que moro e sendo assim, poderei falar com propriedade.

 

Logo que cheguei e estava perto de completar 30 dias em que eu e minha família estávamos morando aqui, eu meio que fui entrando em desespero para tirar a minha habilitação da Florida, pois li muitos blogs falando sobre a nossa carteira brasileira ser válida por apenas 30 dias.. MENTIRA! Ela valerá enquanto valer o seu visto.. Se você entra no país como turista e ganha 6 meses  aqui, esse será o tempo de validade da sua carteira.. Se vem como estudante, então eu aconselharia a tirar uma permissão da Florida. Eu hoje tenho a minha por morar aqui, mas falo isso em um outro post. Só sei que quando fui tirar a minha carteira, na época ainda com o visto de turista, uma agente lá do local de teste me perguntou pq eu estava fazendo aquilo, já que eu poderia dirigir com a minha habilitação brasileira sem problema algum até o meu visto vencer. Então essa informação que estou passando vem do próprio departamento de trânsito aqui da Florida, o DMV.

 

Uma das perguntas que mais recebo é: “Sara, tenho que tirar a PID (Permissão International para Dirigir)?”.. Bom, se você vai dirigir somente aqui na Florida, NÃO.. não precisa tirar essa carteira internacional, mas, se você quiser mesmo assim, poderá fazer isso no Detran mediante uma taxa.

 

O que acontece é que ano passado entrou em vigor uma lei aqui na Florida onde seria obrigatório essa carteira internacional, mas logo foi suspensa, pois entenderam que essa seria uma lei que iria de contra ao tratado de Genebra sobre trânsito rodoviário.

 

Agora que você ja entendeu que basta trazer a sua carteira brasileira e que ela precisa estar válida, vamos falar sobre o aluguel do carro.

 

A maioria das pessoas fazem cotações, reservas e até pagam pelo carro antecipadamente. Como trabalho fazendo consultoria de viagem e já vim à Florida à passeio, posso dizer que a melhor coisa é sair do Brasil com uma reserva feita. Para fazer reserva, eu indico uma agência de SP (quem tiver interesse deixe aqui no comment) ou na Happy Tours.  Se você não fizer uma reserva e chegar diretamente no balcão da locadora, o valor será superior.. então FAÇAM essa reserva 🙂

 

Outra coisa, se atentem para os seguros. Eu sempre fiz essas reservas (que no caso da HappyTours já te dá o valor com os seguros), mas na hora eu rejeitava o Collision Damage Waiver/Liability Damage Waiver (CDW/LDW), pois o nosso cartão de crédito cobre esse tipo de seguro, então o valor do aluguel ficava um pouco mais barato. O seguro que eu costumo deixar é o EW, que é contra terceiros.. Mas, se você não possuir nenhum cartão que te dê essa cobertura, não rejeite nenhum desses seguros ok? Eu tenho cartão Premier, mas já tive o Platinum e sei que ele também cobre.. Mas entre em contato com a sua operadora de cartão para saber mais sobre essa cobertura. Você só poderá rejeitar tb se fizer diretamente no site das locadoras ou HappyTour, se for em agência de viagem não, o aluguel será com todos os seguros, mas você terá a vantagem de dividir e não pagar iof.

 

MUITO CUIDADO com as locadoras. Vai lá no Reclame Aqui e veja a quantidade de pessoas falando sobre cobranças indevidas. Às vezes eles querem te dar um Upgrade do carro de “graça”, ou falam que o carro que você alugou não comportará todas as malas e blá blá blá. Não aceite NADA, diga não, não e não. Eles vão perturbar o seu juízo para fazer você assinar por algo extra, por seguro extra e etc. Por isso é até bom já sair com o carro pago do Brasil, assim, você já terá todos os seguros pagos, e se precisar de alguém para resolver alguma problema, poderá contar com a agência.

 

Outra dica, que alguém até sugeriu que eu falasse aqui, é de não esquecerem de ligar para o cartão de crédito para liberar pagamentos aqui nos EUA. A dica de liberação todos os nossos clientes de Consultoria recebem, mas algumas pessoas não conseguem alugar o carro pq eles precisam segurar um valor no cartão até a devolução do mesmo, e se o seu cartão não funciona, como farão isso? Fica essa dica, não só para aluguel de carro, mas sabendo que, se você pretende utilizar cartão aqui, terá que ligar para sua operadora e informar viagem internacional.

 

Na hora de reservar um carro, você terá que escolher a categoria, pois o valor é diferente para cada uma. Por exemplo, na Alamo você pode selecionar um Midsize, e escolher um Corolla, um Maxima.. Já na categoria Premier, entra o Chrysler, Mustang, Camaro… Também há SUV, MiniVan, conversíveis.. Se atente ao número de pessoas e malas, pois os carros de cada uma dessas categorias acomodam diferentes volumes de mala.

 

Mas, conhecendo os homens e tendo um em casa louco por carro, sei que muitos sonham em dirigir um carro esportivo, conversível e esses, praticamente não cabem mala. A sugestão que eu dou nesse caso é, ou você contrata um serviço de traslado para pegar as suas malas no aeroporto na chegada e levar na volta (trabalhamos com uma empresa parceira de confiança), ou você aluga um carro que comporte a quantidade de malas que você terá e depois troca por alguns dias por um carro dos seus sonhos rs. A Alamo possui balcões não apenas no aeroporto internacional, mas também na Disney, International Drive..

 

Como são as leis de trânsito na Florida?

Como falei logo no início do post, aqui a grande maioria respeita as leis, e os que não respeitam, são punidos. Então eu tenho certeza que você fará parte do primeiro grupo, certo? Esqueça todo o hábito de não respeitar limite de velocidade, sinal de pare, faixa de pedestre e etc. Aqui quando o limite de uma rua for 35milhas, você terá que andar a 35 milhas.. e acredite, os policiais andam à paisana, e qualquer sinal de deslize, lá estão eles aparecendo do nada, como se brotassem do asfalto rsss.

 

Aqui no sinal de STOP vc tem que parar.. Ahhh, que coisa boba Sara.. óbvio que tenho que parar.. Ta bommmm.. Vou acreditar que você no Brasil no sinal de PARE em todas as ruas você para totalmente, mesmo tendo 100% de certeza que não vem carro algum.. Falo isso de experiência própria. Viu uma placa de STOP? PARE, pode ser no estacionamento do hotel ou supermercado, lei é lei e as placas aqui são válidas em todos os lugares.

 

 

Viu um ônibus escolar começar a piscar e abrir uma plaquinha de STOP na lateral? PARE! Se você estiver na mesma direção do ônibus e estiver atrás, pare antes da placa, se estiver no sentido oposto e o canteiro for largo, não há necessidade de parar, mas se o canteiro for estreito ou não houver canteiro, você terá que parar antes do ônibus.  Não adianta querer mudar de faixa e desviar do ônibus, se a pista tiver 5 faixa e o ônibus parar em uma, as 5 faixas terão que parar também. Aqui eles prezam muito pela segurança, e como o transporte escolar é feito em grande maioria por esses ônibus e milhares de crianças sobem e descem deles diariamente, isso é necessário para que elas possam atravessa a rua ou entrar no ônibus seguras.

 

 

Chegou no sinal, quer virar a direita mas ele está vermelho? A não ser que tenha uma placa escrita DO NOT TURN ON RED ou NO TURN ON RED, você pode virar a direita SIM, mesmo no vermelho, desde que pare e veja se não terá nenhum pedestre atravessando a faixa ou motorista seguindo para a mesma direção. Então se não for sua intenção virar à direita e sim prosseguir, libera a pista da direita para que os carros que querem entrar não fiquem parados atras de você.

 

Já falei aqui nesse post Entendo Miami e Orlando sobre o percurso entre Miami e Orlando. Todas vez que vou a Miami vejo carro sendo parado por policiais à paisana, pois tem alguns “espertinhos” que acham que não serão pegos, e aí abusam da velocidade. Correu? Você será parado, e sei que não é isso que você quer. Não adianta alugar um carro mais esportivo pensando que vai dar um de piloto de F1, aqui as coisas não funcionam dessa forma.

 

Nós, além de prestarmos um serviço de Consultoria de Viagem, onde auxiliamos os nossos clientes em todo o processo da viagem, montando roteiros personalizados, dando dicas que somente uma pessoa que mora aqui poderia dar, enviamos guia de GPS, também fazemos sssessoria na chegada, ou seja, auxiliamos você no balcão da locadora, seguimos até o estacionamento, ajudamos na escolha do carro, a usar o GPS e seguimos para o hotel, onde também ajudaremos no check in. Não fazemos traslado, pois não somos uma empresa de transporte, nesse caso, indicamos uma empresa parceira de muita confiança. Então se quiser fazer uma viagem tranquila e segura, saiba mais sobre o nosso serviço acessando o link abaixo ou nos enviado um e-mail para contato@personalflorida.com

www.personalflorida.com/consultoria

 

 

DICAS E EXPERIÊNCIAS DOS NOSSOS LEITORES E CLIENTES:

 

Rita Rodrigues

.

“Estive em janeiro em Miami e Orlando, fomos por pacote, o carro foi alugado pela Dollar Rent a Car, ao contrário do ano passado onde alugamos pela Avis com o aparelho de SunPass para os pedágios, a Dollar adota um sistema diferente, não tem o aparelho e paga-se 100 dólares para cobrir todas as despesas de pedágio no período da viagem, ocorre que do início ao fim da viagem, mesmo indo de Miami para Key West, retornando para Miami e depois para Orlando reparamos que não passamos por pedágios, fato que estranhamos pois na viagem anterior passamos por vários, ao devolvermos o carro no aeroporto de Orlando no final da viagem, a pessoa que o recebeu nos informou que o GPS do carro (pertencente à Dollar) estava programado para não passar por vias com pedágios, ou seja, embolsaram os 100 dólares pagos integralmente, achei muita sacanagem dessa Locadora e não a recomendo para ninguém, por conta dessa artimanha fizemos caminhos estranhos, mais compridos o que acabou aumentando o tempo de percurso para chegarmos aos nossos destinos. Dollar Rent a Car nunca mais! “
.
.
Daniel Longo
.
” Tem uma lei na Flórida que é: FLORIDA´S MOVE OVER LAW, super importante para quem vem de Miami à Orlando pela Turnpike. Eu já recebi uma multa dessas e tive que ir a COURTHOUSE DE KISSIMMEE para pagar e muita gente que faz esse trajeto não sabe dessa lei,

pelo menos para umas 10 pessoas que conheço elas não sabiam e eu alertei.” “Tive que pagar U$ 135.00”
.
Personal Florida: Gente,  Florida’s Move Over Law (tem em vários estados) funciona assim: Se tem um carro de polícia ou bombeiros, por exemplo, no acostamento, seja abordando algum veículo, ou por conta de algum acidente, você deverá (ao avistar), diminuir a velociade e mudar para a faixa da esquerda, caso esteja na faixa próxima ao acostamento, diminuindo assim o risco de qualquer acidente.

 

Página 1 de 3123
error: Content is protected !!
buy ciaslis