17

abr 2013

Viajando com crianças

Postado por em Miami, Orlando, Preparando a Viagem, Viajando com Crianças | 5 comentários


 

Fosse os tempos em que bebê tinha que ficar em casa enroladinho na manta igual uma salsichinha né??? Hoje é mais do que normal viajar com nossos pequenos.. seja pra dar um pulinho na praia, em uma cidadezinha próxima, ou uma viagem internacional…
E visando ajudar as mamães, resolvi falar um pouquinho dos cuidados e procedimentos para se viajar com criança pequena…
>
Viagens Nacionais
Para quem vai viajar por perto, e de carro.. O único conselho que dou é: NUNCA, JAMAIS tire o seu filho (a) da cadeirinha, para isso, pare o carro se necessário… Acidentes acontecem, e aquela de: “não vai acontecer comigo” é papo furado… Querem saber de uma história que aconteceu aqui? Uma família estava quase chegando na minha cidade, faltavam uns 15 minutos, e a neném estava na cadeirinha chorando muito, pedindo colo… A mãe com pena tirou o cinto dela, e só por isso ela se acalmou.. aconteceu que houve um acidente, e quando a mãe despertou do choque… bom.. querem mesmo saber??? Só saibam que nem no carro a menina estava mais… havia sido jogada pra pista.. e o resto vocês já sabem… Então segurança em primeiro lugar…
Outra coisa que me preocupo, é se o hotel que vou ficar tem Copinha, ou como alguns lugares chamam, Copa Baby… é uma mini cozinha toda equipada que nos ajuda a lavar e preparar a comidinha/mamadeira do nosso bebê…. Acho super útil… Sempre se informe antes de fazer a reserva… Alguns hotéis também colocam berço no quarto quando solicitado previamente.
Em viagens de avião, leve sempre a certidão de nascimento, e saiba que crianças de até dois anos em vôos nacionais não pagam passagem, ao contrário das internacionais que são sempre 10% do valor da passagem. Em relação à bagagens, depende muito da companhia aérea. A TAM, por exemplo, não aceita bagagem despachada para bebês que viajam em colo, mas é possível levar a bordo uma bolsa daquelas de bebê, além de poder despachar um carrinho ou cadeirinha. Já a Passaredo, que foi a companhia que viajei de São Paulo aqui pra minha cidade, tem o limite máximo de bagagem pra bebê de no máximo 25 kg se não me engano e o carrinho ou cadeirinha entra nessa cota, e cada quilo a mais, são R$ 5,00 que você paga. Vale a pena você consultar a companhia que você pretende viajar pra se informar direitinho antes de qualquer compra. Vai pra praia???? Saiba que não é aconselhável que os pequenos com menos de 6 meses usem protetor solar… E aos que já podem usar, eu sugiro conversar com o pediatra para que ele indique a melhor marca ou passe a receita para manipulação. E mesmo assim, com protetor, jamais exponha o seu filho ao sol entre 10h e 16h.. a pele deles é ultra sensível.. então não arrisque. Sobre piscina, e Lavinia entrou pela primeira vez às vésperas de completar 6 meses, então eu também sugiro uma conversa com o pediatra para sanar todas as dúvidas relacionadas a ela.


 

Viagem Internacional

Passaporte:
Para sair do país o seu bebê provavelmente precisará de um passaporte, eu disse provavelmente porque se a viagem for na América do Sul, em países do MERCOSUL, tudo o que você vai precisar é da carteira de identidade ou certidão de nascimento. Agora se for para qualquer outro lugar, aí sim, é necessário tirar o passaporte… Mas como fazer?
Bom, infelizmente nem todas as cidades brasileiras contam com um Departamento da Polícia Federal, e é lá que você vai tirar o passaporte.
Antigamente era só chegar lá, esperar caso tivesse muita gente e pronto.. Hoje em dia todo o processo de preenchimento de formulário e agendamento é feito no site da própria polícia federal.

Assim que você preenche o formulário de requerimento, é gerada uma taxa que deve ser paga antes do seu agendamento chamada GRU (Guia de Recolhimento da União)

Para adultos, são necessários:
– Carteira de Identidade (Podendo ser também Carteira de Motorista ou Passaporte Anterior
– Título de Eleitor e comprovantes de que votou na última eleição (dos dois turnos, se houve)
– Documento que comprove quitação com o serviço militar obrigatório, para os requerentes do sexo masculino
– Comprovante bancário de pagamento da Guia de Recolhimento da União – GRU
– Passaporte anterior, quando houver (válido ou não)
– CPF
– Certidão de Casamento para quem teve o nome alterado.
– A foto 5X7 é tirada lá na hora e já cai direto no sistema.

Para bebês e menores de 18 anos:
– Certidão de nascimento
Comprovante bancário de pagamento da Guia de Recolhimento da União – GRU
– No caso de menor de 18 anos, será exigida autorização expressa de ambos os pais, ou do responsável legal. O menor obrigatoriamente deverá estar presente no momento do requerimento do passaporte.
– Caso a genitora do menor tenha alterado o nome, em razão de casamento, separação ou divórcio, será necessária a apresentação da certidão de casamento para comprovar a maternidade, se no documento do menor conste ainda o nome anterior da genitora.

– Recomenda-se levar a doto 5×7 dos menores de 3 anos, pois é um pouco complicado conseguir deixar a criança paradinha lá na hora.. Eu tirei a foto de Lavinia em casa, trabalhei ela no photoshop (pra deixar o fundo branco como eles gostam) e levei pra imprimir.. Lá na hora o agente vai digitalizar..

Assim que o processo lá terminar, eles dirão qual o prazo para entrega, lembrando que apenas o dono do passaporte pode ir buscar, e no caso de menores, deverá estar acompanhado de um dos responsáveis legais.

Visto:

Se você vai para algum país europeu, não é necessário o visto prévio…
Assim que você desembarcar no país é que eles lhe darão o visto.
Para os EUA e Canadá, é necessário sim o visto, assim como outros países também, mas vou me ater a falar somente do que sei ok?
Para o Canadá não é necessário você estar presente… Geralmente o despachante faz esse trabalho.. Quando eu fui pra lá o pessoal da agência pela qual eu viajei foi quem ajeitou tudo.. Para saber a documentação necessária, segue o site: http://www.canadaturismo.com.br/visto-canadense.aspx

Agora, se você pretende ir para os Estados Unidos, não tem jeito, tem que estar presente na hora do visto, exceto para menores de 14 anos, que podem ser representados pelos pais ou outro representante legal (até despachantes). Hoje no Brasil 4 cidades possuem o Consulado: Brasília, Recife, São Paulo e Rio de Janeiro… então caso você não more em uma dessas cidades, se prepare, terá que viajar. Ano que vem está previsto a abertura de um novo Consulado, o de Salvador…
Vou falar um pouco sobre todo o processo de agendamento e entrevista, mas visite de qualquer forma o site http://www.visto-eua.com.br/agendamento-web/index.jsp?locale=pt_BR que vocês sanarão melhor as suas dúvidas.
Antigamente o agendamento era feito através do site www.visto-eua.com.br, mas agora mudou.. o site é o: http://brazil.usvisa-info.com.
E esse ano grandes mudanças aconteceram. Antes para agendar era necessário pagar uma taxa de 38 dólares, e você poderia agendar para até 5 pessoas da mesma família. Em seguida você preenchia todo o formulário e pagava a taxa no Citibank de acordo com o seu tipo de visto. Se o seu visto fosse concedido você ainda tinha que desembolsar mais uma graninha pelo envio do passaporte para a sua casa. Pois bem, mudou, o que eu achei excelente, porque vamos combinar que aquela história de só poder pagar a taxa no Citibank não era legal, pois é um banco que tem agências em pouquíssimas cidades. Hoje é da seguinte forma, ao invés de pagar os 38 dólares para agendar, você já paga uma taxa referente ao seu tipo de visto, é a chamada Taxa MRV. Você pode pagá-la através do boleto bancário e cartão de crédito, excelente não é? Fora que nessa taxa já está incluso o custo para o envio, que é feito através do DHL… isso é um pouco chato, pois essa empresa não entrega em todas as cidades do Brasil, nesse caso, se a sua cidade não recebe, você
poderá colocar o endereço de algum parente ou amigo que more nas cidades atendidas, ou aguardar na cidade da sua entrevista para ir fazer a coleta do passaporte pessoalmente. Agora tem uma coisinha que deixou muita gente chateada… Antes você marcava um horário no Consulado e era apenas aquela entrevista, hoje não, é necessario dois agendamentos, um dos CAVS (Centros de Atendimento ao Solicitante de Visto) e depois no Consulado. No CASV serão coletados seus dados biométricos – fotos e impressão digital e também deve-se levar o passaporte e a página de confirmação do DS-160. Você deve comparecer no dia e horário agendado para que sua impressão digital e foto sejam retiradas. Depois de ter coletados os dados no CASV, os solicitantes do visto devem ir ao consulado ou embaixada americana para a entrevista. Os solicitantes do visto americano deverão apresentar o passaporte válido e o formulário DS-160 com o código de barras legível. Um consul irá lhe chamar para realizar a entrevista para determinar se você se qualifica a
receber o visto. Lembrando que menores de 16 anos e maiores de 65 não precisam comparecer nem ao CASV e nem ao Consulado, tendo o representante que levar uma foto 5X7, já que eles não estarão disponíveis para tirar a foto no local.
Toda essa mudança aconteceu pelo aumento no número de pessoas que solicitam o visto, e o Brasil é o terceiro país com mais solicitações, ficando atrás apenas da China e México. E de fato o tempo de espera diminuiu, entrevista que só podiam ser agendadas com 30 e até 60 dias, dependendo da localidade, agora já podem ser agendada  dentro de 2 dias.


Passaporte e visto em mãos.. então vamos viajar…

Nos aviões:
Os bebês tem direito a bagagem, porem em menor quantidade que os adultos, por isso ligue para a Cia aérea em que vai viajar e tire todas as dúvidas. Na American Airlines por exemplo, o bebê tem direito a uma mala de 32kg, um carrinho tipo guarda-chuva e uma cadeirinha de carro. Na Aeromexico, o bebê tem direito a 23kg de bagagem despachada + 10kg de bagagem a bordo + carrinho tipo guarda-chuva. Então não se esqueçam de se certificar do que se pode levar antes de viagem.
Bebês de colo em vôos internacionais geralmente pagam 10% da passagem, mas dentro do vôo a mãe e o bebê tem direito ao assento prioritário, geralmente na frente, pois quando o bebê é menorzinho, pode ser solicitado um bercinho que é acoplado em frente ao assento da mãe.
Crianças entre 2 e 11 anos pagam 70% do valor regular da passagem aérea, e tem direito a assento e malas.
Os bebês também tem direito a comidinha especial, e a mesma também deve ser solicitada previamente, e para isso, basta ligar para a companhia.
Nos vôos, é terminantemente proibido embarcar com uma quantidade de líquido superior a 100ml, mas não se preocupem mamães, pois não entram na cota as mamadeiras, as papinhas e etc.
.
Algumas perguntas frequentes:
>
Crianças pagam ingressos em parque?
Somente a partir dos 3 anos..
.
Posso levar remédios?
Sim, remédios para febre, xaropes sem receita.. Antibióticos, remédios de uso contínuo eu aconselho trazer a receita médito.
.
Como é a alimentação em Orlando / Miami?
Aqui obviamente a oferta de junk food é maior que a do Brasil… Mas nada está perdido. Existem muitos restaurantes que servem comida boa e saudável.. e alguns restaurantes brasileiros para os pequenos que não largam um feijão com arroz. Aqui é fácil achar leite Ninho, Farinha Lactea.. então não se preocupem 🙂
>
.

A minha experência com Lavinia…
Como alguns de vocês devem saber, tenho uma filha que hoje está com 3 anos, mas fizemos a nossa primeira viagem internacional com ela quando ela estava com 1 ano e 10 meses.  Escolhemos Miami e Orlando… Sempre quando eu falava pra alguém que iria levar minha filha de quase dois anos as pessoas falavam “não faz isso não, ela é tão novinha”. Ou “nossa, é muito trabalhoso, e se ela adoecer?”.. Posso dizer??? CONVERSA FURADA DE QUEM NUNCA VIAJOU COM FILHO PEQUENO OU QUE TEM PREGUIÇA DE
CUIDAR DELE E VIVE AS CUSTAS DE BABÁ… pronto.. falei… A coisa mais incrível foi ver as reações de Lavinia em todos os momentos dessa viagem. Com certeza absoluta, se a gente não tivesse levado ela, teríamos ficado mega tristes. Lavinia foi uma princesa e se comportou muito bem… comeu de tudo, não adoeceu e ficou encantada com os parques. Gente, Orlando foi feita pra criança… acreditem… Tem toda uma estrutura pra receber pais e filhos.
Viagem, levem seus filhos e sejam felizes… Só temos uma vida e ela deve ser vivida da melhor maneira possível.. Compartilhe isso com a família de vocês, pois não tem preço viu? Faça parte do dia a dia do filho de vocês…

Espero que tenham gostado do post e se tiverem qualquer dúvida, por favor, deixem aqui nos comentários.

Um Beijo e fiquem com Deus.


26

ago 2012

Assistindo a um jogo do Orlando Magic

Postado por em Diversão, Orlando, Viajando com Crianças | 96 comentários

 

 

Quer mais uma dica de diversão além dos parques para você que está viajando para Orlando? Então anote essa: Assista a um jogo do Orlando Magic.

Ahh, mas pode ser que você nem curta basquete, vai fazer o que lá? Acredite, os jogos de basquete aqui nos EUA são muito mais do que apenas pessoas correndo de um lado ao outro com uma bola, é diversão, muita música e muita risada.

Da primeira vez que fui fiquei impressionada, tanto com a energia das pessoas que estavam lá para assistir o jogo, quanto dos organizadores dele. E é um super programa também para a família, crianças de todas as idades. Minha filha adora.

Mas vamos começar no começo não é? rs.

 

A temporada da NBA geralmente começa entre o final de outubro e início de novembro e vai até junho, então se você estiver na cidade entre esses meses, coloque já na sua programação. Hoje vou dar as dicas de como ver o time da cidade de Orlando que é o Orlando Magic, mas quem estiver indo apenas a Miami, pode tentar ver o do Miami Heat. Os jogos aqui acontecem na arena Amway Center, que fica no centro da cidade (Downtown Orlando). É uma arena nova, linda e é tudo muito organizado lá dentro.

 

Os tickets podem ser comprados nos site:

 

Eu só compro no TicketsNow, e vou explicar o porque. Aqui é comum as pessoas comprarem os ingressos para toda a temporada e não para apenas um jogo. Então se essa pessoa que comprou a temporada não quiser ir em algum jogo, ela coloca a venda o ingresso nesse TicketsNow, e o valor do mesmo é bem mais baixo do que nos sites citados acima.

 

Vamos ao passo a passo de como comprar ingressos que possam ser enviados por e-mail.

 

Primeiro você olha a data que deseja assistir o jogo, vamos supor que seja essa primeira, 11 de outubro de 2012 contra o Philadelphia. Você clica ao lado em View Tickets >>.

 

 

Depois ele te dará uma lista com todos os assentos disponíveis nesse site e os valores. Mas o que eu quero que vocês prestem atenção é que devem comprar o que tiver escrito: Electronic Delivery E ou Instant Delivery, pois assim você receberá por email quando o site tiver os ingressos disponíveis, seja no dia, ou quando liberarem, sem a necessidade de trocarem na bilheteria. Ao lado direito, ele mostra um mapinha para que você entenda como e onde são os assentos que você está comprando. Ele te diz a área e o número da fila, mas as poltronas você saberá quando o email com o ingresso chegar.

 

Clique na imagem para ampliar.

 

O valor do ingresso depende muito do local onde está o assento, o adversário do Orlando Magic e em que altura do campeonato está, sendo os jogos das semi finais e finais absurdamente caros. Os jogos mais concorridos e caros costumam ser contra o Chicago Bulls e Miami Heat. Mas nos outros jogos, você vai achar de U$ 5 a até 2 mil dólares.

Os assentos naquela área com numeração acima de 200 são os mais distantes, mais acreditem, dá para assistir aos jogos perfeitamente.

Bom, depois que você receber os ingressos por e-mail, imprima e traga na sua viagem. Vá direto a entrada do Amway e ele será scaneado. Eles fazem uma pequena revista em bolsas, mochilas e liberam a sua entrada. Siga as plaquinhas que informam onde ficam as áreas e assentos.

 

 

Se você está de carro, há diversos estacionamento próximos ao Amway, alguns mais caros por serem ao lado, como o estacionamento da Geico, mas a maioria geralmente custa entre 5 e 10 dólares, e acredite, chegando lá você vai entender tudo perfeitamente apenas seguindo o fluxo. Você paga o estacionamento antes de entrar, a pessoa te dará um papel com o número da vaga e você guarda para não esquecer pois são muitos carros e diversos níveis.

 

 

Se você quiser colocar o endereço do Amway Center, é esse: 400 West Church Street  Orlando, FL 32801 . Indo para esse endereço você passará por diversos estacionamentos, e como eu disse acima, é só seguir o fluxo que não tem erro. Mas caso você queira colocar o endereço no GPS para um estacionamento específico, eu sugiro que você visite o site http://www.amwaycenter.com/parking-map, faça o download, imprima e cheque direitinho qual o local desejado para estacionar, o mapa é esse abaixo, mas no site você fará o download.

 

 

 

Acho que ficou bem explicadinho não é? Mas caso vocês continuem com dúvidas, pode deixar aqui em comentários que responderei todas.

 

Bom, ingressos na mão, vou mostrar um pouco da arena, do jogo e dos intervalos.. sim, pois é durante um jogo e outro que rola muita diversão.

 

 

Ao entrar no Amway você provavelmente verá algumas Cheerleaders prontas para serem fotografadas. Eu até perguntei pro maridão se ele queria tirar foto com elas, ele disse que não rs, bom né? Mas também a fila estava enorme. O bom é que é tudo tão lindo lá dentro, que não faltarão lugares para você fotografar.

 

 

Quando você entra e olha aquela quadra, telão, iluminação e tudo mais, é uma emoção incrível. Os shows que eles fazem antes, as brincadeiras do mascote Stuff, a interação com as pessoas, é tudo muito bacana. Ante do jogo a câmera vai filmando algumas pessoas que não estão olhando para o telão.. e é tão engraçado, pq o estádio todo fica vendo e a pessoa não se toca de que todos estão olhando para ela, quando ela percebe, rs é muuito engraçado. E a Kiss Cam? Passa no telão vários casais e eles tem que se beijar rs. É diversão do início ao fim.

 

 

Ah, nos intervalos dá para ir a alguma lanchonete dentro da própria arena. Os preços não são muito amigos não, mas às vezes não tem jeito, tem que comer por lá, já que é proibido entrar com qualquer tipo de alimento dentro do estádio.

 

 

Espero que tenham gostado.

14

ago 2012

Dica de restaurante em Orlando: Planet Hollywood

Postado por em Orlando, Restaurantes, Viajando com Crianças | 6 comentários

 

Eu comentei sobre esse restaurante lá no Facebook (curte aí Personal Florida) e muita gente quis que eu fizesse um post sobre esse restaurante. A dica vale para quem vem a Orlando ou Nova York. Infelizmnte o de Miami foi fechado, assim como tantos outros pelos Estados Unidos.

 

Aqui em Orlando eles abriram um em Downtown Disney, e foi o primeiro lugar onde comi aqui na cidade na primeira vez que vim. Chegamos em Orlando depois de algumas horinhas de estrada, descansamos um pouco no hotel, e a noite seguimos para Downtown Disney. Na verdade nem era um restaurante número um na minha lista, mas como a fila de espera para o T-Rex parecia imensa, resolvemos tentar o Planet. Logo fomos chamados, já que estava apenas eu, marido e filha, mas geralmente quando o grupo é maior ou se é em alta temporada (não foi o caso, pois era outubro) é bom chegar com bastante antecedência e deixar seu nome lá, ou fazer uma reserva no site da Disney clicando aqui.

 

A comida é bem gostosa, tanto que repetimos a dose no último dia da nossa viagem. Outra coisa bacana é que ele aceita o Disney Dinning Plan, que é um plano de refeições para quem fica hospedado em um dos hotéis da Disney, como nós nos hospedamos também no Pop Century e pegamos uma promoção desse plano, utilizamos na segunda vez, com direito a sobremesa.. hmmmm.

 

O Planet Hollywood tem uma decoração bem divertida, com cenários de filmes e personagens, como o Exterminador do Futuro e Chuck. Fora as músicas.. bem anos 80 e início dos 90.

 

 

Minha filha adorou o restaurante, principalmente a decoração. Eles sempre dão desenhos, giz de cera, então também recomendo para a criançada.

 

Em relação a valores, o que posso dizer é que não é muito diferente da maioria dos restaurantes da cidade, dependendo do prato, um casal paga em média 50 dólares. Não esquecendo que o refrigerante é refil ok? Pague um e beba o quanto quiser. Geralmente os garços nem perguntam e quando percebem que o seu copo está vazio já providenciam outro. Ah, não se assuste também se antes de você terminar de comer eles colocarem a conta na sua mesa, não, eles não estão te expulsando do lugar, mas é assim mesmo, e quando você terminar, é só colocar o dinheiro ou cartão de crédito com a conta e entregar ao garçom. Se for com dinheiro, não se esqueça de deixar a tal “tip”(gorjeta), aqui esse pessoal que trabalha em restaurantes não ganha muito por hora e sim com as gorjetas, então se você não der, ele vai achar que te atendeu de graça ou que você não gostou do serviço. O recomendado é entre 15 e 20% sobre o valor da conta. Por exemplo, se a conta deu $50,00 e você quer dar 15%, você dará 57,50, arredonde logo para 58%. Se o pagamento for com cartão de crédito, primeiro o garçom passará o valor a ser pago para o restaurante, e quando ele voltar com o seu cartão, junto virá uma notinha com um espaço para que você escreva o quanto quer dar de gorjeta. Então no espaço você coloca os 8 dólares e abaixo o valor total: $58,00.

 

Como eu disse, fui duas vezes nesse restaurante, e como sempre, jamais deixo de fotografar, seja com uma boa câmera ou com o celular mesmo, o importante é fazer o registro não é?

Eu fui de BBQ Pork Ribs, prato suuuper americano, com molho barbecue e que vem acompanhado de batata frita. Já o marido escolheu New York Strip Steak que tem como acompanhamento batata assada (baked potato) e vegetais, mas ele pediu para trocar os vegetais por arroz. E não, não aguentamos a sobremesa nesse dia.. Ao comparar o tamanho do meu prato com a minha pessoa vocês entenderão porque rs.

 

Já na segunda vez resolvi ir com mais calma rs, até porque dessa vez eu queria deixar um espacinho para experimentar alguma sobremesa. Escolhi Shrimp Alfredo, shrimp é camarão, mas você porde escolher frango ao invés dele, fica até mais barato. Bruno foi de Ribeye Steak e pediu arroz no lugar de vegetais e purê de batata (mashed potatoes) no lugar da batata frita.

 

 

De sobremesa eu fui de Ghirardelli Double Chocolate Brownie, que vinha acompanhado por creme e sorvete de baunilha (vanilla) e Bruno escolheu Strawberry Cheesecake. Hmmmm

 

 

Iai, vai colocar o Planet Hollywood no seu roteiro? Não se esqueça de dar uma passada na lojinha que eles tem na entrada do restaurante. Muita coisinha bacana para levar de lembrança para casa.

 

Endereço: 1506 E Buena Vista Drive, Lake Buena Vista, FL 32830

Site: http://www.planethollywoodintl.com/locations_orlando.php

Horários: 11am – 12 am

 

23

jul 2012

Steak ‘n Shake

Postado por em Miami, Orlando, Restaurantes, Viajando com Crianças | 6 comentários

 

Talvez você nunca tenha ouvido falar desse lugar, mas quer uma dica? ANOTE! Na humilde opinião da minha família, esse é o melhor lugar para comer um hamburguer e tomar o melhor milk shake da cidade. Eles também servem hot dogs, sanduiches quentes, saladas entre outras coisas. Nos fins de semana as crianças de 12 anos abaixo comem de graça… gostou?

Além disso, eles servem café da manhã, então se você se hospedar em um hotel que não ofereça o café, corra para o Steak ‘n Shake. O menu de café da manhã é servido entre 6am e 11am.

 

O Steak ‘n sheak tem uma decoração bem anos 50, eu amo e lembra muito a decor do Jhonny Rockets. Quer conhecer um pouco mais do restaurante? Vamos lá.

Não é um fast food estilo Burger King ou Mcdonalds. Na verdade ao chegar você será direcionado a uma mesa pelo hoster, ele te dará o Menu, e caso você esteja com crianças, elas ganharão um chapeuzinho mega fofo, carrinho para montar, adesivos e desenho + giz de cera.

 

Algumas fotos do que eles oferecem:

 

O nosso lanche favorito é o Western BBQ’n Bacon, um hamburger delicioso com gostinho de churrasco e o molho barbeque que os americanos tanto amam. Você escolhe o seu hamburger favorito, que a princípio virá com a carne, queijo + molho, e em seguida os extras que podem ser: tomate, alface, picles, maionese, ketchup, molho apimentado e por aí vai. Ele vem acompanhado com batata frita, mas bem fininha como vocês podem ver na foto abaixo.

 

 

Escolha a sua bebida. Aqui é refil como na maioria dos restaurantes e lanchonetes nos EUA. A minha dica é, se você quiser experimentar o shake, então não peça refrigerante. Vai por mim, é muita comida e você não vai aguentar rs.

 

 

Entre as opções do menu infantil você pode escolher entre mini burger, macarrão com queijo, sanduiche de queijo, tirinhas de frango, entre outros. Como acompanhamento, fritas, fatias de maçã com caramelo.. Ahhh essa mania americana de transformar algo saudável em intermináveis calorias rs. A bebida é a parte ok? Não é free. Apenas a comida (sem o acompanhamento).

 

 

Shakes
Tem para todos os gostos. De morango com banana, só de morango, de chocolate com baunilha, chocolate brownie, muitas opções. Meu marido sempre vai de  Strawberry and banana, é de morango e além do sabor, ainda tem pedacinho da fruta e ele adora. Eu já experimentei o de Chocolate and VanillaChocolate Fudge Brownie e o Butter Pecan, todos deliciosos.

 

 

Outra coisa que é bem comum aqui nos EUA é você levar as sobras para casa. Sim minha gente, sem vergonha nessa hora, afinal, você pagou e é seu, ou não é? De restaurantes à lanchonetes. Sobrou? Peça uma vasilha que eles levam na mesa para você guardar e levar o que você não conseguiu comer. Não sabe como pedir em inglês? Apenas diga “I wanna this to go” e a pessoa que estiver te atendendo vai entender perfeitamente.

 

Ah, no Steak ‘n Shake eles levam a conta na mesa, mas você tem que ir no caixa pagar ok? Estou avisando porque na primeira vez que estivemos lá eles deixaram a conta na mesa e a gente ficou esperando o garçom pegar o dinheiro rs… Então não paguem esse mico como nós.

E aí? Gostaram da dica? Depois voltem pra me dizer se valeu a pena a ida ao Steak ‘n Shake.

 

Site: http://www.steaknshake.com/
Horários: 24 horas ou entre 6am e 2 da manhã. Depende da localidade.
Endereços para GPS: 12163 S. Apopka-vinland Rd. Orlando, FL 32836 e 13133 S. Orange Blossom Trail Orlando, FL 32837 entre outros

18

jul 2012

Dica de restaurante em Miami: Shorty’s BBQ

Postado por em Miami, Restaurantes, Viajando com Crianças | 2 comentários

 

Quando fui a Miami pela primeira vez e pesquisei por restaurantes, o Shorty’s estava entre os favoritos de muita gente, inclusive era um dos mais recomendados no TripAdvisor. Fiz uma breve pesquisa e achei matérias bem interessantes, e pelas fotos e cardápio me apaixonei pelo restaurante. Infelizmente só fiquei em Miami por 3 dias, e foi tudo tão corrido que acabei deixando ele para uma  próxima viagem.

 

Em janeiro desse ano eu tive a felicidade de passar alguns dias em Miami novamente.. cheguei a noite, depois de sair de Orlando e ter pego aquela estrada, passei no hotel só para tomar um banho e carreguei o maridão pra lá. Escolhi o que fica em Doral, mas sei que além desse e o de South Miami, ainda tem mais 2, fora o de Boca Raton que logo estará aberto. Então vale a pena dar uma olhada no site e procurar pelo endereço mais próximo ao seu hotel.

 

O restaurante estava tranquilo, não tivemos que aguardar por mesa, mas não sei dizer se em outros meses é sempre sim.. Talvez em alta temporada ou durante o almoço ele fique mais cheio, e também chegamos lá depois das 8, e os americanos tem essa mania de jantar às 5 ou 6 da tarde rs.

 

Já amei o restaurante de cara. A decoração é bem bacana, algo meio poluído rs, mas legal. Você acaba sem saber para onde olhar. Tantos objetos de decoração diferentes, fotos, bandeiras, ou seja, lá você jamais ficará entediado.

 

 

Olhamos o cardápio e eu para variar já escolhi costelinha de porco. Meu marido pediu BBQ Skirt Ribs. Os pratos vinham acompanhados de fritas ou arroz + saladinha e pão, mas consegui trocar as fritas por purê. O pãozinho eu comi molhado num molhinho delicioso que acompanhava a carne.  Eu sei que não era pra molhar o pão rs , mas não resisti. Bom, além da carne e tudo mais, o que eu queria mesmo provar era a famosa saladinha de repolho que eles chamam de Cole Slaw, na verdade esse tipo de salada é mais famosa que no Brasil, americano adora, só que essa do Shorty’s é super comentada. Tenho que dizer que gostei mas não amei. Já comi esse tipo de saladinha em outros lugares, até em alguns parques você encontra, como no Sea World e Busch Gardens, e achei bem melhor, de qualquer forma não custa nada você também provar. Ahh não esqueçam do milho cozidinho servido com manteiga.. hmmmm.

 

 

Ah, sempre me perguntam sobre dica de restaurante familiar, eu super indico o Shorty’s, o ambiente é bem agradável, como a maioria dos restaurantes, eles dão desenhos e crayons para entreter as crianças, então podem colocá-lo no roteiro se vocês tiverem filhos pequenos.

 

GPS: NW 87th Ave. Miami, FL 33172

Site: http://www.shortys.com/index.php

Cupons: http://www.shortys.com/coupons/coupon.php?loc=0

Página 2 de 212
error: Content is protected !!
buy ciaslis